SEMPRE BRIOSA

Briosa... se jogasses no céu, morreria só para te ver jogar!

sexta-feira, 30 de setembro de 2005

AUSÊNCIA


Nelo Vingada tem mais uma baixa confirmada para a recepção ao Gil Vicente no domingo.

Dionattan, que sobressaiu na época 2003/04 em Coimbra, apresenta queixas no pé esquerdo e não pode dar o seu contributo na recepção diante do Gil Vicente.

quarta-feira, 28 de setembro de 2005

SITUAÇÃO CLÍNICA

Em relação ao grupo de trabalho, a dúvida prende-se com a eventual recuperação do esquerdino Ezequias com vista ao encontro com a sua anterior equipa.

Mas este não é o único caso no plantel da Briosa: o médio Dionattan continua a apresentar queixas e ontem mesmo realizou uma ressonância magnética cujo resultado deverá ser conhecido durante o dia de hoje.

Isto para além de Andrade, que continua a recuperar de uma artroscopia ao joelho esquerdo.

segunda-feira, 26 de setembro de 2005

BOAVISTA - ACADÉMICA, 2-1



Custa mesmo muito perder assim: não fomos inferiores ao Boavista e não merecíamos uma arbitragem tendenciosa...como é usual no Bessa, a qual teve clara influência no marcador.

Sofrer um golo cedo abala qualquer estratégia definida para um jogo, mas a resposta foi excelente e a nossa equipa mostrou muita saúde psicológica ao reagir conseguindo o merecido empate.

Fiquei na retina com um lance em que houve falta nítida sobre Filipe Teixeira, dentro da grande área axadrezada, claramente merecedora de grande penalidade.

Também Areias usou e abusou de violência sobre Luciano, num duelo particular, e graças à "generosidade" do homem do apito, não foi mais cedo para os balneários.

A equipa mostrou sempre uma postura ambiciosa, nunca se rendendo, jogando taco-a-taco e Nelo Vingada deu o mote, fazendo entrar elementos com características atacantes, obrigando o Boavista a jogar em contra-ataque perante a sua massa associativa.

Depois desta série negra - EEDDD - a malapata tem que terminar porque temos um bom plantel, um grande técnico, uma massa adepta generosa e possuímos qualidade mais do que suficiente para estar num lugar bem mais confortável na tabela classificativa.

BOAVISTA: William; Rui Duarte (William Sousa 55'), Hélder Rosário, Cadu, Areias; Tiago (Cissé 63'); Manuel José, Guga (Zé Manuel), João Pinto; Diogo Valente, Fary.

ACADÉMICA: Pedro Roma; Nuno Luís, Zé Castro, Hugo Alcântara, Lira (Pedro Silva 81'); Roberto Brum (Joeano 73'), Paulo Adriano (Marcel 57'), Nuno Piloto, Filipe Teixeira; Luciano, Fernando.

Golos: (Fary 6', João Pinto 61'; Luciano 16').

Árbitro: Augusto Duarte. Assistentes: Nuno Manso e Marcílio Pinto.

VAMOS LÁ , BRIOSA!

sábado, 24 de setembro de 2005

NOVA DUPLA ATACANTE

Joeano e Marcel?

sexta-feira, 23 de setembro de 2005

VAMOS DAR A VOLTA!

Depois de um final de época exemplar, com seis vitórias e sete empates nos últimos 14 jogos, toda a família academista estava longe de supôr que 2005/06 teria um arranque tão intermitente e tão pouco auspicioso.

O empate com o Benfica - o qual soube a pouco - ainda nos deu um certo alento, reforçado pela capacidade de recuperação demonstrada na Choupana, frente ao Nacional. Recordo que os madeirenses apenas perderam pontos até agora, precisamente connosco.

Mas a verdade, nua e crua, é esta: ao fim da 4ª jornada estamos sem qualquer vitória e nas próximas três jornadas, vamos enfrentar adversários complicados. Deslocações ao Bessa e a Alvalade, com uma teoricamente acessível (?) recepção ao Gil Vicente pelo meio.

No meio de tudo apenas pergunto: que impacto teve no grupo de trabalho o caso Marcel? Na realidade, não há coincidências...

O nosso presidente José Eduardo Simões até disse, no arranque da temporada, não pensar sequer num lugar abaixo daqueles que dão acesso às competições europeias.

Por tudo isto, digo: está na hora de darmos a volta a esta situação!

terça-feira, 20 de setembro de 2005

PAÇOS - BRIOSA, 2-1

Começamos perigosamente a marcar passo: dominar um jogo não chega, é preciso marcar mais golos que o adversário.

Tivemos jogadores com bom rendimento mas isso não chegou para termos uma equipa eficaz e capaz de dar expressão no marcador ao domínio conseguido no relvado.

Segunda derrota consecutiva!

sábado, 17 de setembro de 2005

ONDA DE LESÕES

Ezequias sofreu uma micro-rotura na face posterior da coxa esquerda, Dionattan um traumatismo num maléolo externo, enquanto Hugo Alcântara tem um estiramento no adutor direito.

quinta-feira, 15 de setembro de 2005

DISCURSO POSITIVO

As palavras do novo reforço Pedro Silva:

"Há apenas uma forma de passar por cima da derrota de domingo, que é à custa do Paços de Ferreira. Perder em casa é mau, mas não pode tornar a acontecer, por isso temos de ir procurar a vitória fora, em Paços de Ferreira, para compensar o mau resultado da partida diante do Setúbal"

Assim é que é!

domingo, 11 de setembro de 2005

ACADÉMICA - VIT. SETÚBAL, 0-1

Com um golo apontado por Fábio (55 minutos) a Académica sofreu a sua primeira derrota nesta Liga 2005/06, frente ao Vitória de Setúbal. Ao intervalo registava-se um nulo no marcador.

A Briosa alinhou com:

24 Pedro Roma
4 Ezequias
5 Hugo Alcantara
7 Luciano
10 Marcel
11 Dionattan 57´
13 Zé Castro
14 Filipe Teixeira 57´
20 Fernando27
Nuno Luís 69´
88 Roberto Brum

Jogaram ainda:

9 Gelson 57´
16 Pedro Silva 69´
19 Paulo Adriano 57´

Confesso que depois do que vi frente ao Benfica esperava bem mais garra e empenhamento por parte dos nossos jogadores, por forma a procurarem os 3 pontos e a primeira vitória. Sendo um resultado muito pouco agradável, não baixemos os braços porque ainda há "muita" Liga pela frente.

Fica o aviso de que não há jogos fáceis... e ganhos antecipadamente.

sexta-feira, 9 de setembro de 2005

POUCAS BAIXAS

Para o próximo Académica-Vit.Setúbal, o técnico Nelo Vingada terá à sua disposição a maioria dos atletas que compõem o plantel, à excepção dos lesionados Zada, Andrade e Ito, apesar de estarem perto da recuperação total.

CONTINUA A LAMENTÁVEL NOVELA

No Jogo:

Quando toda a gente pensava que já tinha assistido ao último episódio da novela Marcel, após Eduardo Maluf, director de futebol do Cruzeiro, ter afirmado que nada havia a fazer para levar o jogador da Académica - "ficou inviável", lamentou -, eis que Paulo Afonso, representante do ponta-de-lança brasileiro, manifesta a intenção de abordar, em Coimbra, o presidente José Eduardo Simões. "Vou a Coimbra reunir-me com o presidente da Académica. Temos interesse em levar o jogador para o Cruzeiro, vamos fazer uma pressão grande, porque o Cruzeiro ainda não desistiu", garante Paulo Afonso.

quarta-feira, 7 de setembro de 2005

LAMENTÁVEL

Enquanto envergar a camisola da Briosa e correr e suar pelas nossas cores nunca assobiarei Marcel, nem qualquer outro jogador do nosso plantel. O mesmo se aplica à equipa técnica. Bem ou mal, creio que todos procuram representar o nosso clube com a máxima dignidade e empenho.

No entanto, não posso pactuar com entrevistas a jornais ou a estações televisivas onde o brasileiro tem referido querer saír da Briosa para poder representar o Cruzeiro, já que em Coimbra não terá grande projecção.

Se tem contrato a vigorar com o nosso clube, se a entidade patronal tem cumprido as suas obrigações, Marcel não pode - nem deve - vir para a praça pública com manifestações de desagrado ou de desmotivação. Isso não!

Tudo o que tiver a dizer ou a reclamar, deverá fazê-lo em circuito fechado junto dos responsáveis academistas.

segunda-feira, 5 de setembro de 2005

JOGO DE SOLIDARIEDADE

Estádio Cidade de Coimbra

Árbitro: Artur Soares Dias (AF Porto), auxiliado por José Melo e Vítor Ramalho.

ACADÉMICA - 1
Dani; Nuno Luís, Danilo, Hugo Alcântara e Lira; Roberto Brum, Dionattan e Filipe Teixeira; Luciano, Marcel e Vítor Vinha.
Jogaram ainda: Pedro Roma, Paulo Adriano, Nuno Piloto, Sarmento, Pedro Silva, Gelson, Joeano e Eduardo.
Treinador: Nelo Vingada.

BEIRA-MAR - 2
Snircek; Ribeiro, Jorge Silva, Alcaraz e Tininho; Torrão, Luís Vouzela, Zé Roberto e Labarthe; Roma e Didi.
Jogaram ainda: Diakité, Rui Lima, Jonathan, Miran, Marco, João Pedro e Nicola.
Treinador: Augusto Inácio.

Ao intervalo: 1-1. marcadores: 1-0 Hugo Alcântara (1´), 1-1 Zé Roberto (36´) e 1-2 Rui Lima (75´, gp).

sexta-feira, 2 de setembro de 2005

CASO MARCEL?



Marcel é pretendido pelo Cruzeiro e não esconde a vontade de voltar ao Brasil, até porque os dirigentes brasileiros já avançaram com uma proposta.

Os argumentos avançados pelo atleta são os seguintes: “A Académica é um bom clube, mas o Cruzeiro está noutro patamar. Aliás, se voltar agora ao Brasil tenho a possibilidade de poder ir ao Mundial”.

Apesar do nosso presidente negar a saída do jogador, consta que existe uma cláusula no contrato de Marcel que lhe permite sair, a qualquer altura, mediante o pagamento de uma determinada verba.

Primeiro, parece-me que Marcel está a sonhar, ou a delirar, ao querer ir ao Mundial na condição de jogador do escrete.

Segundo, está a ser de uma ingratidão atroz.

Terceiro, coloca a Briosa numa situação difícil já que o período de inscrições em Portugal já fechou e só reabre em Janeiro, pelo que a saída do jogador não poderia ser colmatada de imediato.

Quarto, se ficar vamos ter um jogador contrariado no nosso plantel.

quinta-feira, 1 de setembro de 2005

SOLIDARIEDADE



Disputa-se no próximo domingo, às 18h00, no Estádio Cidade de Coimbra, o jogo Académica-Beira-Mar, e cuja receita - bilhetes a 5 euros - reverterá a favor das vítimas dos incêndios.

À EXPERIÊNCIA

Raycho Zhelyzkov Raev, de 21 anos, ponta-de-lança, ex-Chernomorets Burgas, encontra-se a treinar, à experiência, na Briosa.

Forte e ágil na finalização, Raev não foi inscrito, mas talvez seja uma opção para o futuro, quem sabe já em Janeiro, quando reabrir o mercado de transferências.

E POR QUE NÃO?

Opinião acabadinha de ler no fórum do site oficial:

Venho por este meio propor à Direcção da AAC-OAF a contratação de Fernando Couto visto este jogador estar a treinar sem clube e por a Briosa ter carência de centrais. Penso que seria uma boa contratação, pelo nome, prestígio e experiência que traria à equipa.

Gonçalo10