SEMPRE BRIOSA

Briosa... se jogasses no céu, morreria só para te ver jogar!

quinta-feira, 13 de abril de 2006

RESPOSTA ADEQUADA




Em relação às descabidas acusações de Lito, da Naval, que o acusa de ter entrado “a matar” no lance em que foi expulso, Andrade achou por bem responder, porque quem não sente não é filho de boa gente:

“Quem leu deve ter ficado a pensar que tive uma entrada para o lesionar. Fiz falta, porque ele ia isolar-se, mas não era para vermelho.
Agora, não é o Lito quem me vai ensinar o que é estar lesionado, porque estive, infelizmente, 6 meses parado devido a uma operação ao joelho, e só eu sei o que sofri. Sei bem o que custa e não desejo a ninguém o que me aconteceu”

“São acusações graves que me deixam revoltado. Não recebo lições de profissionalismo. A minha carreira fala por mim, nunca vi um vermelho directo e nunca vi um amarelo por protestar com o árbitro.

Todos conhecem a minha maneira de jogar. Não sou nenhum santinho mas nunca tentaria lesionar um colega de profissão. Não houve ninguém até hoje que pudesse dizer que eu o tentei lesionar, em jogos ou treinos.
Espero que o Lito ponha a mão na consciência”

“Ele fez tanta fita que, na altura, até parecia mesmo lesionado. Ele devia ser mais humilde com os colegas de equipa.

Passou o jogo todo a insultá-los por não lhe passarem a bola.”

0 comentários:

Enviar um comentário

<< Home