SEMPRE BRIOSA

Briosa... se jogasses no céu, morreria só para te ver jogar!

segunda-feira, 24 de setembro de 2007

Empate justo, mas...

... a haver um vencedor, teria que ser a Briosa.

Boavista, 0 - Académica, 0

Mostrámos mais garra, empenhamento, a equipa já jogou mais solta, com outra alegria, mas é um facto que ainda há muito trabalho para ser feito e vários aspectos a merecerem correcção.

Fica no entanto a boa exibição da segunda parte, já que nesse período só a Briosa procurou atacar, e mesmo que tenhamos sentido alguns calafrios, creio que deixámos melhor imagem do que a equipa da casa.

Nota de relevo para Miguel Pedro - que rendeu Fofana - que se mostrou muito esforçado, tendo procurado dar maior dinâmica aos lances ofensivos da nossa Académica.

Acredito que após a vitória frente ao Paços e este empate no tradicionalmente difícil Bessa, a equipa vai prosseguir o seu trajecto de melhoria e dar muitas alegrias à dedicada massa associativa.



Estádio do Bessa, no Porto
Árbitro: Lucílio Baptista (AF Setúbal)

BOAVISTA
Carlos; Rissut, Ricardo Silva, Marcelão e Moisés; Diakité, Essame (Gilberto, 46 m) e Jorge Ribeiro; Zé Kalanga, Bangoura (Hugo Monteiro, 78 m) e Mateus (Ivan, 68 m).

Suplentes não utilizados: Jehle, Bruno Pinheiro, Gajic e Fary.

ACADÉMICA
Pedro Roma; Pedro Costa, Orlando, Kaká e Vítor Vinha; Tiero (Cris, 46 m), Paulo Sérgio e N’Doye; Fofana (Miguel Pedro, 46 m), Joeano (Lito, 74 m) e Hélder Barbosa.

Suplentes não utilizados: Ricardo, Litos, Pavlovic e Vouho.

Disciplina: cartão amarelo a Ivan (86 m), N’Doye (88 m) e Marcelão (90+2 m).

Etiquetas:

0 comentários:

Enviar um comentário

<< Home