SEMPRE BRIOSA

Briosa... se jogasses no céu, morreria só para te ver jogar!

quarta-feira, 9 de janeiro de 2008

Brasileiros na berlinda



Numa altura em que se avança com a forte possibilidade do brasileiro Edgar poder mudar-se do Dragão para Coimbra, em paralelo com a possível contratação de Jossimar, outro compatriota destes - Joeano - reitera a vontade de permanecer na Briosa:

«Tanto quero ficar, que aceitei vir para aqui. Agora se jogo cinco, dez ou mais minutos, é com treinador. Vou continuar a lutar, como sempre, respeitando os meus colegas e as decisões o técnico. É bom não esquecer que já fui suplente um ano com o Nelo Vingada e não pedi para sair. Além disso, sei que o mister conta comigo.

A Académica está a jogar bem e eu não posso ignorar isso. Quando se marca, fica mais fácil, ficamos com mais alegria e vontade, mas o essencial é trabalhar como tenho feito até aqui.

Não preciso de andar à porrada com os jornalistas para sair nos jornais [risos]. Não foi essa a educação que a minha mãe me deu e eu pretendo seguir os seus ensinamentos.

Em termos de colectivo, penso que a equipa actual é mais forte. A anterior tinha mais nomes. Nós só aprendemos aquilo que nos ensinam, se nos diziam para fazer aquilo [defender], íamos fazer o quê?»

Etiquetas:

0 comentários:

Enviar um comentário

<< Home