SEMPRE BRIOSA

Briosa... se jogasses no céu, morreria só para te ver jogar!

domingo, 27 de janeiro de 2008

Demasiada apatia resulta em derrota

U. Leiria, 3 - Académica, 1




Estádio Magalhães Pessoa, Leiria
Árbitro: Bruno Paixão (Setúbal)

U. LEIRIA

Fernando, Éder, Lukasiewicz, Éder Gaúcho e Laranjeiro; Arvid, Harison e Cadú; Toñito, João Paulo e Paulo César

Treinador: Vítor Oliveira

Suplentes: Rafael Fava, Patrick, Hugo Costa, Bruno Miguel, Faria, Dani e Ferreira

ACADÉMICA

Pedro Roma, Pedro Costa, Orlando, Káká e Vítor Vinha; Cris (Ivanildo), Paulo Sérgio, Tiero (Edgar) e Nuno Piloto (Luís Aguiar); Joeano e Lito

Treinador: Domingos Paciência

Suplentes não utilizados: Rui Nereu, Pedrinho, Berger e Miguel Pedro.

Golos: João Paulo (27 e 67 minutos), Laranjeiro (87 minutos) e Edgar (90 minutos).



A opinião de Domingos:

«Não era isto que estava à espera no regresso a Leiria, perder desta forma. Sabíamos que ia ser difícil, porque o adversário ia apostar tudo neste jogo.
Acabaram por ser felizes. Se calhar, tiveram hoje a sorte que lhes tem faltado nas outras partidas.
Entrámos melhor, tivemos ocasiões, mas o Leiria acaba por marcar, salvo o erro, no primeiro remate que teve.
Não reagimos da melhor forma e, depois, com o 2-0 o jogo poderia ter sido relançado se o auxiliar tivesse visto uma grande penalidade a nosso favor. Penso que foi um resultado muito pesado para a minha equipa, que não reflecte o que se passou.
Nem o Leiria foi tão superior, nem nós fomos assim tão inferiores. Antes pelo contrário, penso até que controlámos melhor a partida.»

Etiquetas:

0 comentários:

Enviar um comentário

<< Home